Super-heróis são os protagonistas em defender o bem. Presente em filmes e em quadrinhos eles agem em prol da humanidade. Mas calma, você sabia que é possível ser herói na vida real? Diferente do que muitos pensam não é preciso de capa, roupa especifica ou super poderes para se tornar um. Marcos Ramos pode provar isso, conhecido também como Capitão América e Batman, ele inspira crianças e adultos com suas práticas infalíveis!

“Com grandes poderes vêm grandes responsabilidades”– Stan Lee🦸🏻‍♂️

Super Herói da vida real

Marcos Roberto Ramos Pereira é formado em Desenho Industrial e atua como Gerente de Setor na Sabesp. Marcas do passado revelam o motivo da escolha que ressignificou a sua vida: ser super-herói. Esta ação era um meio de se fortalecer perante a violência do pai, algo constante em suas memórias de infância. Para se tornar mais forte, ele colocava uma toalha de banho nas costas e colava um símbolo “S” de super homem na camiseta. Assim, começou a transformar a sua realidade e também levar a diante a missão de disseminar boas práticas que salvam o mundo e a humanidade, principalmente para as crianças do município.

Tenho muito respeito pelas crianças, porque o que sou hoje foi devido a todos os acontecimentos, desafios e lutas na minha infância. É possível lançar sementes fantásticas no meio das crianças, pois elas são extremamente honestas com aquilo que sentem e expressam. Cada sorriso, cada abraço, cada gesto que partem delas é de pura honestidade e simplicidade. Não aceito, de forma alguma, que crianças sofram qualquer tipo de violência, pois sei exatamente o que é isso e as marcas que ficam para sempre”, conta Marcos Ramos.

Foto: Instagram Marcos Ramos.

Marquinhos, como é mais conhecido, já trabalhou com teatro e fez diversos desenhos, sendo os super heróis a sua marca registrada. Uma de suas peças teatrais mais memoráveis mostra a história de um super-herói chamado “Capitão Sabesp”, o qual lutava contra um vilão chamado “Senhor Desperdício” em conscientização ao uso racional da água, evitando os vilões do desperdício. E aguçado pelo desejo de fazer mais, demonstrar a importância de sermos heróis na vida dos outros através de valores, como a amizade, o respeito, o perdão, a solidariedade, originou algo!…😱 Veja👇🏼

Missão

Santa Cruz começou a ser palco de super-heróis, o Superman, o Batman, o Capitão América, o Shazam, o Homem-Aranha e o Homem-de-Ferro, junto com o grupo do Doutor Sorriso se uniram para visitar os pacientes da Santa Casa. E logo a missão foi crescendo e se difundindo.

No início, fazíamos visitas na Santa Casa. Hoje, são palestras nas escolas para todas as faixas etárias, desde crianças até alunos do ensino superior. O tema “Como ser super-herói e super-heroína na vida das pessoas” vem atingido todas as idades. Tem sido um trabalho especial e gratificante. Além disso, temos as ações sociais, como entrega de brinquedos para as crianças mais carentes, eventos de almoços e cafés da manhã para essas mesmas crianças, apoio nas campanhas de vacinação”, diz Marquinhos.

A cada ação é disseminada a importância de respeitar ao próximo. Gradualmente, Marcos aderiu as fantasias mesmo com alto custos e esta foi uma das suas dificuldades, porém hoje a mesma se resume em conciliar o trabalho profissional e o voluntário. Sobre suas maiores conquistas o super-herói revela:

Estão em cada sorriso, em cada abraço, em cada gesto de gratidão através daquilo que levamos de bom, em cada reconhecimento de carinho que recebemos. Só tenho a agradecer“.

Inspiração

Dentro de si nasceu a motivação, consoante a todos os eventos ocorridos em sua história e o incentivo de sua família. Diariamente, mensagens de carinho e reconhecimento de seu trabalho o fazem acreditar e investir neste projeto para ampliá-lo com a intenção de mais pessoas conhecerem como é incrível fazer o bem.

“Minha família, minha esposa Lucimar, e minhas filhas, Priscilla e Giovanna, são o meu grande apoio e inspiração. Já me conheceram assim. Só não imaginaram que eu iria avançar até o estágio que chegamos: com a “Missão do Bem” em força total com os super-heróis. Eu não seria o que sou hoje se não fosse pela força que vem da minha esposa e das minhas filhas“, agradece o Batman Santa-cruzense.

Família de marquinhos. Foto: Instagram Marcos Ramos.

No futuro, saúde e dar sempre o melhor de si é o que Marquinhos espera. Ele aprendeu que a inspiração do herói na vida real pode contagiar e ele segue aos poucos transmitindo felicidade, alegria e que é possível superar todos os desafios se cativarmos o bem aonde for.


Uma verdadeira história de inspiração!


Leia outras matérias da terra solidária:

-> Em Santa Cruz reviver é possível: projeto proporciona troca de experiências inesquecíveis

-> Kaio Sergio: o veterinário santa-cruzense que transborda amor pelos animais e sempre está à disposição para salvar vidas

-> Quem é Thaís Bette? A santa-cruzense que ajuda a trazer crianças ao mundo


Gostou desse conteúdo? Deixe seu comentário no campo abaixo! E se você conhece alguma história bacana da sua cidade e quer que ela seja contada aqui, entre em contato pelo e-mail: [email protected]

Fale com o autor!💜

Siga Solutudo Santa Cruz do Rio Pardo nas mídias sociais:

CLIQUE AQUI PARA FACEBOOK!

CLIQUE AQUI PARA INSTAGRAM!

Avalie este conteúdo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, deixe o seu comentário
Por favor insira o seu nome aqui