Religião é sempre um assunto delicado de se abordar. Com suas particularidades, costumes e dogmas, cada uma simboliza um estado de espírito para o seu seguidor. E, por mais peculiares e adversas que sejam, todas elas compartilham de um sentimento maior que envolve o amor e a fé.

Um exemplo disso foi a atitude altruísta do jovem indiano Panaullah Ahmed, que mostrou que a humanidade supera qualquer religião.

Em 2019, o Ramadã acontece entre os dias 5 de maio e 4 de junho. (Créditos: Divulgação/Pinterest)

Panaullah, que vinha cumprindo neste mês o Ramadã – um dos rituais islãmicos mais tradicionais e exigentes, no qual o muçulmano se dedica exclusivamente à prática do jejum, à leitura do corão e às visitas até as mesquitas – se viu na missão de ajudar um paciente hindu com doações de sangue, em prol da vida do enfermo.


Panaullah e Tapash Bhagawati são membros de um grupo de doadores de sangue na Índia.(Créditos: Divulgação/Pinterest)

O muçulmano recebeu uma ligação de seu amigo de profissão e colega de quarto, Tapash Bhagawati, informando que um paciente do hospital da cidade de Assam, na Índia, precisava urgente de sangue para sobreviver. Panaullah não hesitou e imediatamente se preparou para a doação.

A ação se espalhou pela internet e mostrou que a nobreza e a coragem estão acima de todas as crenças. Atitudes que inspiram e demonstram o amor ao próximo.

Fontes: Hypeness; Razões para acreditar.


Gostou desse conteúdo? Deixe seu comentário no campo abaixo! E se você conhece alguma história bacana da sua cidade e quer que ela seja contada aqui, entre em contato pelo e-mail: sugestao.pauta@solutudo.com.br

Avalie este conteúdo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, deixe o seu comentário
Por favor insira o seu nome aqui