Hoje vamos conhecer a história do início da banda de Rock mais badalada de Assis e sua matriarca. Helena de Tróia, que por amor à arte e a música, dedicou-se profundamente para torná-la conhecida. Vamos juntos?

O Início

Tudo começou com um presente de aniversário que mudaria a vida de Michel Toledo, um dos integrantes da banda e ainda a de toda família. Sua mãe, Helena Macri, 73 anos, formada em Artes Cênicas e Dançarina, o presenteou com uma guitarra, no lugar da tão sonhada moto. Na época, Michel estudava na Escola Rashid Jabur em Cândido Mota, junto ao Lucas Lopes, que também é integrante da banda e alguns amigos; Já se inspiravam em bandas renomadas como Guns N’Roses, Green Day e principalmente Nirvana.

Helena Macri, fundadora da banda Helena de Tróia/Imagem: Arquivo pessoal

“Ele queria uma moto, mas eu falei: Não! Você é muito jovem. Quando passei na frente de uma loja de som, vi uma guitarra vermelha linda, e a comprei; quando ele chegou em casa lhe disse: Filho, comprei outra coisa para você! Não foi moto. Quando ele pegou a guitarra na mão, para minha alegria ele a achou a coisa mais linda; no dia seguinte já foi comprar um livrinho de música, do Nirvana”, conta Helena toda feliz.

Lucas Lopes e Michel Toledo, fundadores da banda Helena de Tróia/Imagem: Arquivo pessoal

Apesar de Michel ter sonhado com a desejada moto, ele se entusiasmou com o presente diferente. Sem antes ter nenhum contato com o instrumento, inspirou-se nas músicas do Nirvana. Aprendeu a tocar e no primeiro mês já executava seis musicas da banda, resultado da sua ousadia e dedicação.

“Nunca fiz aulas, aprendi tudo sozinho”, diz Michel

O sucesso

Michel e seus amigos tomaram gosto pela música e começaram a ensaiar para participar de um festival que aconteceria no final daquele mesmo ano. O festival foi um sucesso. Helena nos conta que viajava para São Paulo à comprar os equipamentos, instrumentos e tudo o que a “bandinha” (nome carinhoso a que lhes era atribuída) necessitava para as apresentações.

Nunca mediu esforços para ver a felicidade desses garotos. A banda foi batizada como “The Grunges”; logo depois “Sliver”, com formação inicial tendo Michel Toledo na guitarra, Lucas Lopes no vocal, Rodrigo Tomas na bateria e Paulo Rogério no baixo.

Reportagem da banda inicial The Grunges/Imagem: Arquivo pessoal

Como os garotos ainda eram de menor idade, Helena tinha que assinar autorizações para eles poderem se apresentar nos “Festivais de Rock” de todo o Centro Oeste. A agenda estava ficando agitada e fizeram “shows” em Assis, Maracaí. Em Candido Mota, eram convidados para participar das Festas do Milho, da Mandioca, Aniversário da cidade. Um Sucesso total!

A banda sendo batizada pelo saudoso Zé do Caixão/Imagem: Arquivo pessoal

A matriarca nos conta que o início foi bem difícil, fazia tudo sozinha, não tinha patrocinador e investia seu próprio salário para suprir a necessidade da banda. Ainda, toda parte visual era ela mesmo quem produzia. Foram anos percorrendo as cidades com a agenda cheia de “shows”.

“Sempre acreditei nesses meninos, quando ouvi eles tocando a primeira vez, já vi uma estrela brilhando”, expressa Helena.

A banda bem no inicio, com os fundadores Lucas Lopes, Michel Toledo e Paulinho e Rodrigo/Imagem: Arquivo pessoal

Foram nove anos de glória e muito sucesso. A “bandinha” já estava bem conhecida em toda região. O nome atual foi inspirado no filme da mitologia grega, Helena de Tróia, e foi um meio que encontraram de homenagear Helena Macri, que com toda sua garra, coragem e dedicação, não hesitou em um só momento em fazer tudo acontecer; foi a primeira a acreditar neste sucesso.

Primeira entrevista com o nome atual da banda/Imagem: Arquivo Pessoal

Apesar de todo o sucesso, eles ainda tinham o sonho em se graduar. Iniciaram a carreira artística muito novos, decidindo interromper aquela vida corrida a fim de alcançarem seus diplomas na mão.

O retorno

A banda hoje é formada por Michel na guitarra, Lucas Lopes no vocal, Leandro Minichiello no baixo e Arildo Junior na bateria, esta formação existe desde o seu retorno em 2017.

“Fiz duas faculdades, Administração e Ciências Contábeis, depois de oito anos, eu e o Lucas resolvemos voltar com a banda, convidamos o meu cunhado Leandro e o Arildo, essa é a formação atual”, comenta Michel.

Banda Helena de Tróia/Imagem: Divulgação

Helena de Tróia vem conquistando o público, com o melhor do Rock nacional e internacional, de várias décadas de sucesso, até os mais atuais.

Integrantes da banda Helena de Tróia, suas esposas e namoradas e Helena Macri, fundadora da banda/Imagem: Arquivo pessoal

“O segredo do sucesso é tocar por gosto mesmo, para agradar ao público, sinto que existe uma conexão, mas eu não sei explicar qual é”, confessa Helena e Michel.

Há projeto em gravar outras músicas autorais, e uma delas você pode conferir aqui, produzido no Pub Madame Guedes:

Helena de Tróia vem agitando Assis e região, com shows no Paraná, Votuporanga e neste sábado, 28 de maio, estará presente no primeiro Assis Rock Fest. Será um evento grandioso, com uma grande expectativa para os assisenses amantes do Rock. A banda se apresenta a partir das 19:30 e as expectativas são ótimas, pois este será um dos maiores eventos de Rock de Assis e região.

Banda Helena de Tróia/Imagem: Divulgação

Helena os acompanha em todos os shows e considera ser a fã número um.  

“Sinto a maior alegria do mundo quando vejo eles tocando; registro e publico tudo”, diz ela toda feliz e orgulhosa.

Helena de Tróia, continuem com esse carisma e humildade. O mundo é de vocês!


Quem aí, já foi em um show da Banda Helena de Tróia? Adoraria saber! 💜

Fale com a autora!

Gostou do conteúdo? Nosso aplicativo está recheado de boas histórias de Assis. Baixe agora mesmo e descubra um mundo de possibilidades!

Para baixar para Android clique aqui
Para baixar para IOS (Iphone) clique aqui

Aproveite e siga a Solutudo nas redes sociais:

CLIQUE AQUI PARA O Facebook!

CLIQUE AQUI PARA O Instagram!


Gostou desse conteúdo? Deixe seu comentário no campo abaixo! E se você conhece alguma história bacana da cidade de Assis e quer que ela seja contada aqui, entre em contato pelo e-mail: [email protected]

5/5 - (3 votes)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, deixe o seu comentário
Por favor insira o seu nome aqui