Esse conteúdo é um oferecimento da Imobiliária Jaú, empresa madrinha que apoia as boas notícias de Jaú.


Estilos, penteados, cortes, cores… Dizem que o cabelo é a moldura do nosso rosto. Usamos ele como forma de expressar nossa personalidade. Quem nunca mudou totalmente o visual aderindo um corte novo ou trocou a cor dos fios para elevar a autoestima?

Nos últimos anos as tranças vem ganhando mais espaço, se popularizando em todo o país. Suas raízes são africanas e chegam ao Brasil em meados do século 16 como forma de representatividade e resistência negra.

Kel

A jauense Kel Ramos, de 30 anos, começou a se interessar pelas tranças quando resolveu passar pela transição capilar e a pesquisar sobre o contexto histórico e cultural do estilo.

Em 2018 ela fez um curso de especialização pela Hair School, em São Paulo. Por causa da pandemia começou a atender as clientes em sua casa. Kel, tem preferência em usar o material sintético “jumbo” por ter mais facilidade de secar e é melhor para a saúde dos fios e do couro cabeludo.

“Lavar o cabelo sempre no período da manhã ou no máximo na hora do almoço e secar bem para evitar fungos e mau cheiro, e dormir com touca de cetim ou lenço. Não passar mais de três meses com a trança e quando retirar dar um tempo de pausa para o couro cabeludo antes de colocar novamente.”

Autoestima

Além da representatividade histórica que desperta curiosidade de buscar conhecimento sobre, Kel Ramos, acredita que a trança traz uma sensação de empoderamento e elevação da autoestima da mulher. E indica seu trabalho para quem tem interesse em fazer as lindas tranças, por meio do contato no Instagram (@kelramoskblo) ou Whatsapp: (14) 98150-2690.

“Toda mulher se sente mais poderosa quando está com o cabelo feitinho.”



Gostou desse conteúdo? Deixe seu comentário no campo abaixo! E se você tem uma sugestão e quer ver ela ela aqui, entre em contato pelo e-mail: sugestao.pauta@solutudo.com.br.


Esse conteúdo é um oferecimento da Imobiliária Jaú, empresa madrinha que apoia as boas notícias de Jaú.


4.1/5 - (11 votes)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, deixe o seu comentário
Por favor insira o seu nome aqui