Sempre será possível melhorar o bairro em que moramos sem que pra isso precise empregar muito recurso. Tatiana plantou e cuida de um jardim em frente a sua casa e inspirou a vizinha, dona Zelita a fazer o mesmo.  

Tatiana e Zelita, moradoras

A vida sempre pode ser literalmente mais colorida. E isso pode ser feito sem necessariamente empregar muito recurso financeiro. Foi assim que Tatiana Santos, moradora do Conjunto Hab. Ana Carolina criou um lindo jardim que ocupa um espaço antes tomado por pastagem, agora todo florido, dando a ela e aos moradores que por ali passam, a oportunidade de se aproximar da beleza da natureza.

Tatiana é casada e mora no conjunto habitacional a 5 anos. Sempre gostou de jardins. Ela acredita que a paixão herdou da família. Logo que mudou ali, construiu no quintal da casa um atraente espaço repleto de flores, esculturas e até mesmo pimentas.

Tatiana e seu jardim no quintal da sua casa
Tatiana no jardim no quintal da sua casa

Logo a área tornou-se pequena demais. Desejando avançar, sempre observou a possibilidade de reservar para si um pequeno trecho de terra que existe frente a sua casa. Encheu-se de coragem e promoveu a primeira ação: pegou a enxada afiada e carpinou uma área.

Semeou suas primeiras mudas e semente de flores. Começava ali uma paixão que ela diz ocupar até mesmo meio período do dia, em especial quando em férias do trabalho.

Tatiana no seu jardim

Temos ali grande variedade de flores e até frutas e legumes, como melancia, maxixe e acerola. Algodão e cactos ajudam a embelezar o jardim.

Tatiana afirma que as pessoas respeitam o seu espaço e até mesmo profissionais da prefeitura que fazem a manutenção da área ajudam a preservar a área que ela separou para o seu jardim.

O plano futuro é fazer dali uma área de encontro entre os vizinhos:

Quero aproveitar a sombra que as árvores darão e fazer um banquinho, reunir minhas vizinhas e passarmos o tempo ali, disse Tatiana.

Tatiana acredita que um jardim como aquele torna o dia a dia das pessoas mais alegre e divertido, além de ajudar a preservar o ambiente em que mora.

Abelhas são atraídas pelo néctar das flores

Ela lembra ainda que em um passado recente, havia plantado diversos girassóis e tudo havia ficado tão belo que algumas pessoas iam até lá para fazer ensaio fotográfico.

A inspiração para vizinha

E o trabalho já começa a inspirar vizinhos. Dona Zelita mora a 6 anos no conjunto e está a um lote de distancia da Tatiana. Vendo sempre o cuidado da vizinha, sentiu vontade de fazer o mesmo. Inspirada na dedicação dela, reservou o seu espaço e agora já comemora o jardim florido na frente da sua casa.

Dona Zelita no seu jardim

Tatiana acredita que todos deveriam fazer algo para contribuir com seu bairro.

No exemplo do trabalho destas moradoras, percebemos que o bairro ideal é composto por pessoas que assumem para si o seu espaço e torna-se o prefeito do seu próprio alcance.

Temos outras matérias de ações que acontecem em outros bairros e que temos certeza que você vai gostar muito:

O líder comunitário de Lins que ama e cuida com carinho do bairro Manoel Scalfi

A líder comunitária que cuida com muito amor e zelo do Bairro Santa Terezinha, em Lins

Projeto Marmita Solidária: ação voluntária já ajudou centenas de famílias linenses


Como é bom perceber moradores que amam o local em que moram e contribuem para o bem dele. Inspirador este gesto, não é mesmo? Você conhece o jardim da Tatiana e da Zelita? O que você achou desta ação? Você tem um jardim pra chamar de seu? Vamos plantar flores? Diga pra gente, nos comentários.

FacebookSolutudo Lins Instagram@solutudolins

4.2/5 - (4 votes)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, deixe o seu comentário
Por favor insira o seu nome aqui