Você também pode ouvir este conteúdo! 🎧

Já falamos em artigo anterior, mas para reforçar e iniciar este artigo, a Saúde Mental é algo que vai além de falar da ausência de transtornos mentais.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), o termo Saúde corresponde a um estado de completo bem-estar físico, mental e social, em que o indivíduo se sente bem consigo mesmo e nas relações interpessoais, administra suas emoções, lida de forma positiva com as adversidades, administra bem a sua vida e reconhece seus limites e busca ajuda quando necessário.

Sem negligenciar a existência da doença mental, quero aqui focar nos cuidados com a Saúde Mental do idoso.

(Foto: Reprodução)

A caminho do envelhecimento

Sabemos que o Brasil vem passando por uma drástica mudança demográfica, em um caminho ascendente na quantidade de idosos e descendente de crianças. Desde os anos 60 a taxa de fecundidade vem caindo e as famílias vão tendo menos filhos.

E será que envelhecer bem hoje é um privilégio? Acredito que sim, mas podemos melhorar isso.

Existem diferenças nos cuidados com a pessoa que envelheceu e perdeu importantes capacidades para ser independente com aquela que tem mais idade, porém é independente e administra bem a sua vida.

Como podemos então contribuir para o idoso ter mais independência e autonomia?

(Foto: Reprodução)

Dicas para a vida

São vários os fatores que levam à independência e autonomia do idoso, porém cuidar de sua Saúde Mental é requisito básico e importante para o envelhecimento sadio.

Confira estes outros cuidados:

  • – Fazer exercícios físicos ao ar livre ou em casa.
  • – Não deixe o idoso por muito tempo sozinho, evitando doenças emocionais. Fique atento!
  • – Incentivar a participação em atividades da comunidade, como grupos de coral, artesanato, grupos de leitura, jogos, etc.
  • – Promover uma alimentação equilibrada.
  • Estimular o cérebro, praticando, desde palavras-cruzadas até voltar a estudar. Busque uma faculdade sênior.
  • Estimular os cuidados de saúde, passando por consultas médicas de rotina e sempre que necessário.

Algumas dessas dicas podem ser mais difíceis de aplicar pelo momento de pandemia em que estamos passando. Lembre-se de tomar todos os cuidados e seguir com as medidas de proteção contra o Coronavírus.

Se você é um idoso e está lendo este artigo, deixo aqui todo meu respeito e um canal aberto para falarmos mais sobre essa fase da vida!

Obrigada e até a próxima!


DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, deixe o seu comentário
Por favor insira o seu nome aqui