O Empreendedorismo feminino vem crescendo e modificando nosso país. A cada ano, a presença das mulheres em diversos setores ganha destaque. Segundo uma pesquisa sobre empreendedorismo feminino no Brasil, elaborada pelo Sebrae, nosso país teve a 7ª maior proporção de mulheres à frente do seu próprio negócio, mas esse número ainda é muito escasso.

A iniciativa do Women Entrepreneurship (WE) é ampliar o empreendedorismo feminino no país por meio do acesso à educação e a investimentos.
Para receber o investimento o negócio pode estar em qualquer fase de desenvolvimento, desde que seja de base tecnológica.

Startups brasileiras lideradas por mulheres têm até o dia 7 de fevereiro para se inscrever no site www.weventures.com.br e ser aprovada em todas as etapas de recrutamento e seleção, que incluem inscrição, conversa por vídeo conferência e reuniões com investidores. Podem concorrer startups com sede no Brasil, com no mínimo 20% de participação societária composta por mulheres.

As empresas selecionadas vão receber aportes que variam de R$ 50 mil a R$ 5 milhões nos próximos cinco anos, além de oferecer capacitação de pessoas, negócios, tecnologias e mentoria técnica.

Mais informações no portal The We Studio.

Assista a entrevista completa com Tânia Cosentino, presidente da Microsoft Brasil, referência em empreendedorismo feminino e uma das parceiras do WE:


Gostou desse conteúdo? Deixe seu comentário no campo abaixo! E se você conhece alguma história bacana de Botucatu e quer que ela seja contada aqui, entre em contato pelo e-mail: bianca.camargo@solutudo.com.br

Avalie este conteúdo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, deixe o seu comentário
Por favor insira o seu nome aqui