Para a grande maioria, fazer exames de rotina pode ser desconfortável. Não é fácil ficar de jejum, tirar sangue, coletar urina. Às vezes tudo isso tem que ser feito no mesmo dia. Há quem agradeça que só tenha que passar por essa situação uma vez ao ano, só para checar se a saúde realmente vai bem.

Mas, acredite se quiser, existem pessoas que não só gostam como escolhem trabalhar com isso para o resto da vida! Esse é o caso das três proprietárias do laboratório de análises clínicas UNILAB.

O começo 

Tudo começou em 1979. A bióloga recém-formada Cristina Martins resolveu abandonar seu antigo emprego em Botucatu, no já extinto Laboratório São Paulo, e seguir o marido para a cidade vizinha. Logo após sua chegada, recebeu a proposta que determinaria sua vida dali em diante: ser sócia do UNILAB.

Anteriormente, a administração do estabelecimento era feita pela união entre dois médicos e dois biólogos. Daí a explicação para a origem do nome do estabelecimento, que continuou igual, mesmo depois das mudanças na administração.

Posteriormente, outra jovem retorna para sua casa após formar-se na Faculdade de Ciências Farmacêuticas da Unesp de Araraquara. Estava cheia de expectativas, pois o futuro ainda era incerto. Mas, de repente, quando menos esperava, a oportunidade de trabalho bateu à sua porta. O último sócio-fundador da clínica decidiu vender sua parte.

E desde então, a farmacêutica bioquímica Alessandra Gil é a segunda proprietária do local.

A formação do trio

Gil e Martins, com formações diferentes, formavam a dupla perfeita. No entanto, as duas não davam conta sozinhas da demanda da cidade. Uma das razões é que medicina avançou tanto, que as pesquisas da área diagnóstica tiveram que acompanhar seu crescimento. Dessa forma, para poder acompanhar o aumento, a equipe da UNILAB precisava crescer.

E cresceu. Cristiane, filha de Cristina, gostou tanto do que a mãe fazia que resolveu se graduar em farmácia bioquímica. E, desde de seus 16 anos, segue os passos da pessoa que a inspirou. Em 2019, faz 15 anos que trabalha no mesmo lugar.

Além da microbiologista e das farmacêuticas bioquímicas, atualmente a clínica conta com mais um profissional responsável pelas análises dos resultados, duas enfermeiras para as coletas e duas secretárias.

Alessandra, Cristiane e Cristina respectivamente. Há mais de duas décadas essa é a equipe administrativa do negócio (Foto: Arquivo pessoal)

Quatro décadas de histórias

Durante todo esse período, as três puderam acompanhar muitas mudanças. Crianças que iam fazer seus exames de sangue cresceram e agora levam seus filhos. Apesar dos anos passarem, as mãos e olhos atentos que investigam ainda são os mesmos.

E é tanto tempo, que elas têm muita coisa para contar. Em especial as proprietárias mais antigas. Martins recorda a primeira vez em que uma de suas hipóteses diagnósticas revelou que uma de suas pacientes tinha leucemia. O susto foi grande. Diante dessa situação, se sentiu responsável em entrar em contato com a pediatra da bebê antes de avisar a família.

  Hoje ela tem mais de 30 anos. Mas na época ela precisou ser atendida em um hospital particular. Então fizemos uma campanha na cidade para ajudar a pagar pela internação dela

Elas também tem o costume de não cobrar por alguns atendimentos. As órfãs do Lar Anália Franco, antigo abrigo de acolhimento feminino da cidade, eram examinadas ali sem pagar por nada. Muitos exames não estavam disponíveis na rede pública, mas nem por isso as meninas deixavam de fazê-los. Para Alessandra, a preocupação e o cuidado com as pessoas é o maior diferencial da Unilab.

Gil conta que:

O que mais me marcou é eu ter atendido pacientes recém-nascidos e acompanhar a trajetória deles. É a confiança no nosso trabalho que mais me marca

O restante da equipe de atendimento da Unilab: Fátima, Aline, Andréia, Isabela e Guilherme (Foto: Arquivo pessoal)

Serviço

Unilab

  • Endereço: Avenida Irmãs Cintra, 654, Centro – São Manuel/SP
  • Telefone: (14) 3841-2383 • (14) 3842-2300 • (14) 99730-4475
  • Horário de funcionamento: seg. a sex. das 6h30 às 17h30, sáb. 07h às 11h.
  • Redes sociais: Facebook Instagram

Gostou desse conteúdo? Deixe seu comentário no campo abaixo! E se você conhece alguma história bacana da sua cidade e quer que ela seja contada aqui, entre em contato pelo e-mail: sugestao.pauta@solutudo.com.br

Avalie este conteúdo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, deixe o seu comentário
Por favor insira o seu nome aqui