Quem mora na Cidade Sem Limites, especialmente nesta região, provavelmente já ouviu falar que a Vila Falcão é uma “cidade” dentro de Bauru. Isso porque, com um comércio que conta com estabelecimentos que vão desde restaurantes, padarias e açougues até materiais de construção e casas de ração, o bairro abriga uma instituição de ensino superior (a ITE), um estádio de futebol (Alfredo de Castilho), a Companhia Paulista de Força e Luz (CPFL), entre tantos outros locais marcantes.

Os moradores mais antigos comentam que a Vila Falcão era considerada um mundo à parte em Bauru, já que quem vivia no bairro não precisava ir à “cidade”, ou seja, à região central. Tudo era encontrado nos negócios mais próximos. Hoje, essa variedade de estabelecimentos e serviços não mudou – ainda trata-se de uma área repleta de opções de consumo -, mas, com o desenvolvimento do município e o passar do tempo, os residentes passaram a ter mais acesso a outras localidades.

Um pouco de história

A Vila Falcão tem esse nome porque tratava-se de um loteamento que pertencia à Maria Falcão Machado. O bairro surgiu por volta de 1906, praticamente na mesma época das construções da Estrada de Ferro Noroeste do Brasil, companhia ferroviária cuja linha-tronco ia de Bauru até Corumbá, na divisa com a Bolívia.

Assim, a área que corresponde à Vila Falcão fazia divisa com o rio Batalha, a atual Vila Dutra e a fazenda Val de Palmas – que, segundo informação do Conselho de Defesa do Patrimônio Cultural de Bauru, era considerada a maior fazenda de café do mundo em pés de café, chegando ao número de 2,3 milhões de pés.

No início, viviam no bairro os trabalhadores da ferrovia e das plantações café – muitos deles imigrantes -, principalmente da própria Val de Palmas, fazenda que tinha até mesmo sua própria estação, aberta em 1909. Além disso, a comunidade negra também era muito presente na região.

E foi apenas em 1918 que a Vila Falcão passou a ser considerada parte do perímetro urbano de Bauru. Com o tempo, mais casas foram construídas, o desenvolvimento foi chegando e o local se tornou um dos bairros mais conhecidos da cidade.

Com a igreja de São Benedito, a criação da Instituição Toledo de Ensino na década de 1950, a primeira loja da Rede de Supermercados Confiança (na época, Casa Confiança), a valorização dessa região se tornou realidade. Dessa forma, o estádio de futebol e as escolas de samba também se tornaram marcantes não só em termos de localização, mas para a cultura e a identidade dos moradores.

Pontos marcantes da Vila Falcão: Confiança, ITE e CPFL.
Pontos marcantes da Vila Falcão: Confiança, ITE e CPFL. (Fotos: Divulgação/Confiança; Reprodução/Facebook; Reprodução/Google Maps)

LEIA TAMBÉM


Quer ficar por dentro de todo o conteúdo da Solutudo Bauru? É só seguir a gente no Instagram e curtir nossa página no Facebook!

Gostou desse conteúdo sobre as campanhas de doação em Bauru? Então deixe seu comentário no campo abaixo!

E se você conhece alguma história de Bauru e quer que ela seja contada aqui, entre em contato pelo e-mail sugestao.pauta@solutudo.com.br ou pelo nosso WhatsApp.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, deixe o seu comentário
Por favor insira o seu nome aqui