Localizada bem no centro da cidade de Boituva, a Paróquia São Roque atrai fiéis e visitantes no local e se consagra como um ambiente de fé e paz no município.

História

Há mais de 100 anos atrás, em 1916, foi criada e oficializada em Boituva a nova paróquia da cidade, a Igreja de São Roque. O senhor Dom Lúcio Antunes de Souza, bispo daquele período em Botucatu, celebrou o primeiro dia do templo em Boituva, se tornando então uma das primeiras lembranças da igreja.

Tradição

Não há como falar sobre a paróquia e não relembrar a tradicional festa de São Roque, que é inclusive uma das datas inclusas no calendário turístico do Estado de São Paulo, sendo considerada uma das mais importantes tradições na cidade de Boituva.

Reunindo vários moradores e fiéis da Igreja de São Roque, o dia que é celebrado em agosto conta com missas especiais, atrações religiosas e comemorações durante o dia.

São Roque

É válido lembrar que São Roque é nomeado como o protetor dos inválidos e cirurgiões, do gado, das doenças contagiosas e da peste. Vários religiosos prestam orações, promessas e agradecimentos ao santo.

São Roque | Arquidiocese de São Paulo

A igreja

A tradicional Igreja de São Roque é fácil de chegar pois se localiza bem no centro de Boituva. Conservada e cheia de detalhes internos e externos, o ambiente conta com uma linda arquitetura clássica.

O local passou por algumas transformações ao longo do tempo, desde 1950 até os dias de hoje houve adaptações e aprimoramentos para deixar a igreja limpa e conservada. Um detalhe é que várias telas foram restauradas pelo artista plástico italiano Bruno Di Giusti.

E você? Já foi até a Igreja de São Roque em Boituva? Conta pra gente nos comentários!

Avalie este conteúdo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, deixe o seu comentário
Por favor insira o seu nome aqui