Há quase 50 anos, um estabelecimento de barbearia garante o sustento de toda uma geração que manteve a tradição de trabalhar no ramo, você conhece?

Entre família

Segundo o barbeiro Marícilio da Silva, filho de Joaquim Elias da Silva, que exerce a profissão desde que abriu o salão, o talento para a profissão é de família e está no sangue. Dois dos quatro filhos do barbeiro e um neto seguiram a carreira de Silva, o que tornou o local conhecido na cidade.

Metade de São Manuel corta o cabelo aqui”, brinca Luciano Rodrigo Elias da Silva, que começou no salão com o incentivo do avô.

A história

O patriarca da família conta que começou em um salão aprendendo com outro barbeiro e decidiu investir no próprio negócio em 1965. Desde então, o salão recebe clientes que também passaram de geração a geração.

“Assim como a profissão é de pai para filho, muitas vezes a clientela também é de pai para filho ou neto”, diz um dos netos

Joaquim lembra que o primeiro a seguir seus passos foi Márcio, outro filho que também trabalhava na barbearia, mas precisou deixar o salão por outro emprego. No entanto, o pai garante que se ele precisar voltar o lugar está guardado.

“Aqui cada um tem a sua própria cadeira e a dele ainda está no salão”.

Os móveis do estabelecimento têm as marcas dos anos de serviço prestados na cidade. Segundo os proprietários, a clientela é diversificada e é passada de pessoa pra pessoa, tornando o local cada vez mais frequentado.

E você? Já frequentou a tradicional barbearia de São Manuel? Conta pra gente!


Gostou desse conteúdo? Deixe seu comentário no campo abaixo! E se você conhece alguma história bacana da sua cidade e quer que ela seja contada aqui, entre em contato pelo e-mail: sugestao.pauta@solutudo.com.br

Avalie este conteúdo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, deixe o seu comentário
Por favor insira o seu nome aqui