Diego Mahfouz Faria participou do Fórum Latino-Americano de Educação de maneira remota. O tema escolhido foi “As histórias que ainda precisam ser contadas na América Latina: ruptura e co-criação na educação durante o covid-19”. Na intenção de amenizar o impacto social sofrido pela educação na América Latina, os sistemas educacionais tem recebido profundo Impacto causado pela pandemia em todas as suas modalidades e o fórum tem como objetivo agrupar vozes e saberes.


Os melhores professores do mundo, destacados no prestigiado Global Teacher Prize, mostram que a excelência não depende de muito dinheiro.

E Diego Mahfouz foi um dos integrantes da prestigiosa lista composta de dez finalistas. Rio-pretense, 30 anos, desde 2014 assumiu como diretor da escola Darcy Ribeiro quando a taxa de evasão era de 200 alunos por ano, as salas de aulas estavam depredadas e traficantes agiam à vontade nas redondezas.

“No meu primeiro dia de trabalho puseram fogo no banheiro e viraram tambores de lixo na minha direção. Minha reação foi dizer aos alunos que queria ouvi-los. Aquilo os pegou de surpresa”, conta o professor.. Mahfouz ouviu a revolta e o desinteresse e entrou em ação.

Selecionou os 20 funcionários para limpar e pintar o prédio, introduziu aulas de música e de esportes, organizou um show de talentos aberto ao público nas sextas-feiras (quando quase ninguém aparecia na escola) e passou a ir pessoalmente à casa dos alunos com alto número de faltas. Tornou-se especialista em mediar conflitos.

“Às vezes, os pais chegam estressados e ele os acalma. Tem um dom inigualável para escutar”, elogia a coordenadora pedagógica Gileusa Cartanezi.

No coração do luxo e da opulência, chefes de Estado enrolados em túnicas bordadas de ouro, sentados ao lado de notáveis vindos do mundo todo, participaram no domingo, 18 de março, de uma cerimônia suntuosa em Dubai. A cidade das mil e uma extravagâncias. Seu propósito foi de homenagear professores.

Um legado de muita paciência e coragem!

O objetivo é que Diego compartilhe suas experiências de como enfrentou o impacto sofrido pelo fechamento das escolas e distanciamento com dos alunos no período da pandemia. Os professores buscaram nesse período desenvolver fórmulas para que o conteúdo chegasse aos alunos de forma leve mas intensa, de modo que fosse assimilado com certa facilidade, já que a nova proposta era ficar em casa.


Uma notícia que aquece os nossos corações! E a nossa missão é ajudar você a conhecer melhor a cidade em que vive! 💜


Gostou desse conteúdo? Deixe seu comentário no campo abaixo! E se você conhece alguma história bacana da sua cidade e quer que ela seja contada aqui, entre em contato pelo e-mail: [email protected]

Avalie este conteúdo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, deixe o seu comentário
Por favor insira o seu nome aqui