Todo mundo que já veio à Santa Cruz do Rio Pardo se deparou com um lindo portal logo na entrada da cidade, mas na correria do dia a dia ninguém nunca questionou o seu formato e até os símbolos escondidos nele. Nós fomos atrás desvendar esses mistérios.

Infelizmente o criador do projeto, o arquiteto Antônio Carlos Silva Junior, não atendeu a nossa reportagem, mas a atual secretária de Obras, Carla Umezu abriu o jogo.

Você enxerga os símbolos ocultos?

Antes de ser criado, em meados de 2010 foram estudados os principais pontos da cidade.

“Podemos relatar o belíssimo rio que corta nossa cidade ao meio. Próximo a um de seus afluentes conhecido como Ribeirão São Domingos, local onde a cidade nasceu, em uma de suas margens foi construído um chafariz que servia para que a comunidade pudesse pegar água e também construíram uma cruz que simbolicamente foi colocada para abençoar todo povoado, que mais tarde ficou conhecido como Santa Cruz do Rio Pardo”, explica um documento.

Com o passar dos anos o povoado foi crescendo e tomando proporções de cidade, que se desenvolveu a ponto de surgir inúmeras empresas que colocaram nosso município em destaque no comércio regional e até mesmo estadual onde hoje a cidade é reconhecida como quarto polo calçadista do Estado de São Paulo e polo estadual na produção e beneficiamento de arroz. Mas o que tudo isso tem haver com o portal?

Uma grande estrutura executada com perfis de metalon e revestida com placas de alumínio, no formato de uma meia cruz passa a sensação de que esta flutuando sobre a Rodovia Plácido Lorenzetti, fazendo alusão a todo o contexto histórico que ente símbolo tem para o município.

Com um mastro de onze metros de altura, todo executado em concreto armado vibrado, onde em seu ponto mais alto nascem estáis, que são tubos de aço protendido, fazem a sustentação da estrutura em forma de meia cruz. Junto a este mastro no outro lado da rodovia, existe o ponto de apoio da estrutura em cruz.

“Como podemos ver no projeto, um arco no formato de uma meia lua todo executado em concreto armado que na medida em que vai ganhando altura sua seção vai diminuindo de tamanho transmitindo leveza e movimento ao conjunto chegando a um balanço de dezesseis metros”, explica.

Portal foi construído meados de 2010.

O sapato feminino

Em homenagem as indústrias de calçados, junto ao mastro de sustentação da estrutura em cruz, foram projetadas uma casca de concreto que lembra um sapato feminino. A escolha pelo desenho de um sapato feminino esta no fato de as mulheres terem a essência de uma beleza sublime que só encontramos somente na natureza.

O Rio Pardo e o grão de arroz

Dentro desta estrutura foi projetado um compartimento todo sinuoso que faz lembrar as curvas do Rio Pardo por onde correr água que se deposita em um reservatório que ao anoitecer o sistema de iluminação surge o desenho de um grão de arroz, fazendo assim as devidas homenagens a este setor da economia que é tão importante para o nosso município. 

“Dois amplos jardins foram projetados para diminuir a aridez do espaço na tentativa de humanizar a porta de entrada do município”, finaliza.

Gostou do conteúdo? Então comenta com a gente!

Avalie este conteúdo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, deixe o seu comentário
Por favor insira o seu nome aqui