Bombeiro é uma profissão essencial para a vida em sociedade. São profissionais que têm como missão ajudar o próximo sem esperar nada em troca, estão dispostos a todo momento para socorrer quem for preciso. É algo que abrilhanta a nossa vida e que nos proporciona segurança para convívio em uma comunidade.

Muitas pessoas já se dedicaram tanto em ajudar e evoluir o município que vivem como bombeiros. Um deles é o seo Valdir da Costa, 60, e já é aposentado há mais de 12 anos. É um dos mais antigos de Santa Cruz do Rio Pardo. Confira abaixo a sua história!

Valdir

Valdir é licenciado em Letras, pós-graduado em Questões Ambientais e Saúde Pública, bombeiro desde 1994 e instrutor de projetista para hidrantes e sprinkler desde 2018. Como pessoa é um homem simples com muita determinação e preza por todos os seus estudos. É casado e pai de dois filhos

Em 1979, andando pelas ruas da Lapa, em São Paulo, Valdir entrou por acaso no Corpo de Bombeiros. A conversa rolou solta até que convidaram ele para ser soldado. Foi desta maneira que começou o interesse pela carreira de bombeiro.

Valdir em atuação. Foto: arquivo pessoal

Sem nunca ter conhecido a profissão a fundo, Valdir começou a pesquisar mais sobre e a observar os afazeres do pessoal que já estava no quartel. Viu pessoas estudando, fazendo o concurso e conquistando a vaga. O interesse por esta vida só aumentava. Até que decidiu seguir o mesmo caminho e, até hoje, é um bombeiro muito respeitado entre os seus colegas desde 1992, ano que chegou em Santa Cruz do Rio Pardo.

Ser bombeiro

Para ele, ser um bombeiro é compreender que algo desconhecido te espera e você precisa encontrar a melhor solução daquele problema. “É servir sem saber a quem e por que, mas sempre em mente que deverá ser a melhor forma e atitude possível. Como uma frase de desconhecido: “O impossível nós fazemos, milagre demora um pouco, mas conseguiremos”, fala Valdir.

Por esta razão que Valdir assume com assertividade que se dedicou por completa a esta profissão, serviu com lealdade a comunidade, prezou pela igualdade entre os companheiros de farda e honrou sua família. O seu esforço em estar sempre estudando foi o que levou a receber promoções e ser um bombeiro respeitado pelos demais.

E o seu maior apoio veio de dentro da instituição do bombeiro, o comando central. “Mas o principal mesmo é a família, ela é o baluarte para nossa formação e honradez, tanto nas dificuldades como nas alegrias é ela que está sempre do nosso lado”, comenta o aposentado.

Futuro

Para o futuro, enquanto bombeiro aposentado, o desejo de Valdir é que governantes deem mais atenção para estes profissionais. E para os futuros bombeiros, a dica é entender que bombeiro não é ser dono da vida, mas estar pronto para servir e fazer tudo for capaz.

“É a certeza de se entregar de corpo e alma para garantir a segurança daqueles que precisam de nós, garantindo o melhor para a vida alheia”, finaliza Valdir.


Valdir, com toda certeza, é uma linda inspiração para os futuros bombeiros!


Gostou desse conteúdo? Deixe seu comentário no campo abaixo! E se você conhece alguma história bacana da sua cidade e quer que ela seja contada aqui, entre em contato pelo e-mail: sugestao.pauta@solutudo.com.br

Avalie este conteúdo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, deixe o seu comentário
Por favor insira o seu nome aqui