A Covid-19 é um vírus letal com sintomas gripais, que surgiu na China no fim do ano passado e, se alastrou pelo mundo todo, causando uma pandemia. Com isso, vieram as consequências, como o decreto de quarentena e a obrigatoriedade no uso de máscaras e álcool gel.

Segundo o último boletim (25/05) atualizado pela Fundação Inova Prudente e a prefeitura municipal, atualmente, Presidente Prudente está com 79 curados do novo coronavírus.

Dentre eles, estão o contador, João Ribeiro e o agente penitenciário, Márcio Danilo Scalon. Ambos foram contaminados pela Covid-19 e encaminhados a hospitais locais, onde tiveram todo o apoio dos profissionais da saúde, que vêm atuando na equipe de frente durante essa luta contra o coronavírus.

João Ribeiro

Presidente Prudente têm 79 curados da Covid-19: pacientes relatam a luta contra o vírus
João perdeu 5kg após o tratamento. (Foto: Arquivo Pessoal)

O contador suspeita que o contágio tenha acontecido ao jogar baralho, trocando as cartas de mão em mão com um caminhoneiro que, no mesmo dia, estava sem máscara e tossia muito.

Os primeiros sintomas de João foram febre, cansaço, dores de cabeça e dores pelo corpo, inicialmente, constatado como dengue. No entanto, ao realizar uma tomografia, foi diagnosticado com pneumonia avançada.

“A pior fase da internação é nos três primeiros dias, pois eu não sabia o que estava por vir e, as mensagens de carinho que recebia de familiares e amigos, soavam como despedida; parecia que eles sabiam algo a mais sobre minha doença, do que eu mesmo”, comenta.

No momento em que testou positivo para a Covid-19, João dizia já estar bem psicologicamente. O tratamento no Hospital Regional teve duração de 14 dias e, felizmente, não precisou passar pela unidade de tratamento intensivo (UTI).

Após nove dias, recebeu notícias de que estaria melhorando, mas mesmo assim, deveria permanecer internado e cumprir o ciclo de quarentena.

Presidente Prudente têm 79 curados da Covid-19: pacientes relatam a luta contra o vírus
(Foto: Arquivo Pessoal)

“Só quem está lá dentro consegue imaginar o que é receber alta de um vírus como esse, é uma glória enorme. Quando a enfermeira gritou: ‘João, você está de alta’, foi um alívio imenso, porque eu sabia que aquela vitória não era só minha, mas também de tantas pessoas que estavam torcendo por mim, aqui em Prudente, em outros estados e até fora do país”, ressalta.

Mesmo após retornar para casa, João continua tomando os devidos cuidados de higienização, juntamente com sua família, pois não deseja que nenhum ente passe pela mesma situação que ele enfrentou dias atrás.

Para isso, enviou a seguinte mensagem a aqueles que estão descumprindo a quarentena e não acreditam na letalidade do coronavírus:

“Por mais que eu respeitasse esse decreto, acabei saindo para algo desnecessário. Então, aconselho todos a não saírem de suas casas, mas caso precisem, não fique sem máscara e passe sempre álcool gel nas mãos, esse cuidado é essencial. Eu dei uma bobeira de meia hora e foi o suficiente para dar um transtorno enorme na minha vida, mas felizmente fui livrado”, relata.

Márcio Danilo Scalon

O agente penitenciário Márcio Scalon, que é hipertenso e faz parte do grupo de risco, teve seus primeiros sintomas no dia 5 de abril e, inicialmente, também foi diagnosticado com dengue. Após uma piora em seu quadro respiratório, houve a transferência com urgência para o Hospital Regional, onde fez a tomografia constatando a probabilidade de Covid-19, e precisou ficar na unidade semi-intensiva.

“Foi muito difícil para minha esposa avisar minha família que eu estava internado, eles entraram em desespero, por não saber o que iria acontecer, e sem poder vir me ver. Iniciei os tratamentos com o uso de antibióticos e não precisei ser encaminhado para a UTI. Usei cateter de oxigênio por seis dias, os medicamentos foram essenciais para a minha cura, fiquei com muito medo, mas depois comecei a perceber minha melhora”, conta.

Presidente Prudente têm 79 curados da Covid-19: pacientes relatam a luta contra o vírus
Márcio foi o segundo curado da Covid-19 no Hospital Regional de Presidente Prudente. (Foto: Assessoria HRPP)

Márcio agradece especialmente pelos cuidados que recebeu de todos os profissionais no Hospital Regional, onde ficou internado durante 11 dias, até conseguir retornar para casa.

“Tive um tratamento excepcional da equipe médica, enfermeiros, auxiliares, pessoal da limpeza, pessoal da copa; vocês são verdadeiros heróis! Quando veio aquela tão esperada notícia, que eu estava curado e de alta, foi uma emoção só, ali eu estava nascendo de novo, recebi uma nova oportunidade”, diz.

Após retornar para a vida normal, mesmo não precisando tomar nenhum tipo de medicação, Márcio adotou as cautelas de praxe, como uso de máscara e a higienização com álcool gel.

A fim de motivar a prevenção da saúde, defendendo o decreto de quarentena, para que todos permaneçam em casa, Márcio enviou uma mensagem para aqueles que ainda não levam a Covid-19 a sério.

“Hoje eu sei o quanto tive que ficar isolado, longe das pessoas que amo e o quanto a vida é maravilhosa. Peço para que todos se conscientizem, usem máscaras, álcool gel e façam a higienização correta. Sei que muitos necessitam trabalhar, então, para essas pessoas, que todos seus familiares desejem a elas um bom dia de serviço”, finaliza.

Presidente Prudente têm 79 curados da Covid-19: pacientes relatam a luta contra o vírus
Márcio recebeu alta no dia 24 de abril e foi recebido as palmas por vários funcionários da unidade. (Foto: Assessora HRPP)

Histórias como essas, são o que nos inspiram a continuar lutando! Juntos sairemos dessa.

Nós da Solutudo, somos imensamente gratos a todos os profissionais que estão atuando na linha de frente para o combate ao coronavírus.

Serviço

Para ter acesso ao boletim, atualizado a cada dois dias pela Fundação Inova e a prefeitura municipal, sobre a situação da Covid-19 em Presidente Prudente, clique aqui.


Gostou desse conteúdo? Deixe seu comentário no campo abaixo! E, se você conhece alguma história bacana da sua cidade e quer que ela seja contada aqui, entre em contato pelo e-mail: sugestao.pauta@solutudo.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, deixe o seu comentário
Por favor insira o seu nome aqui