A maior cidade do Oeste Paulista também já foi palco de muitas descobertas. Estamos falando das escavações no sítio paleontológico do Parque dos Girassóis, onde foi encontrado neste ano, fósseis de: aves, dentes de crocodilos e escamas de peixes que datam aproximadamente 70 milhões de anos.

Com essas descobertas, mais uma vez, o nome da cidade de Presidente Prudente foi para o mundo! As escavações feitas pelo paleontólogo, William Nava, estão completando 15 anos neste mês. Além dele, a equipe de expedições era formada por cientistas brasileiros, americanos e argentinos.

Nava com bloco de rocha e vários ossinhos de aves 2018. (Foto: Arquivo Pessoal)

“Prudente já é uma região bastante conhecida dentro da paleontologia e da geologia, e meu primeiro contato na cidade foi no ano 2000. Eu observei algumas rochas depositadas nas margens da rodovia Raposo Tavares, onde encontrei alguns fósseis de dinossauros – mais tarde identificados como um Titanossauro”, conta Willian Nava.

De acordo com ele, houve quatro etapas de escavações na região de Presidente Prudente, entre elas uma ficou marcada na memória do paleontólogo. Em 2017, conseguiu uma parceria entre o Museu de Paleontologia de Marília, o Natural History Museum de Los Angeles- EUA e o Museo Argentino de Ciências Naturales “Bernardino Rivadavia” de Buenos Aires, Argentina. Parceria que resultou nas escavações e descobertas deste ano.

Equipe de pesquisadores da Argentina, EUA e Marília durante escavações de fósseis em 2019. (Foto: Arquivo Pessoal)

“Fizemos a primeira escavação com uma equipe de paleontólogos reunida, e coletamos mais outros blocos de rochas de arenito contendo os pequenos ossos das aves incrustados, que foram trazidos até o laboratório de preparação de fósseis do Museu de Paleontologia de Marília e juntados com os que haviam já sido coletados”, ressalta ele.

De acordo William, alguns fósseis de aves já fora apresentados em diversos eventos de paleontologia pelo país e até mesmo apresentações na França e Estados Unidos em 2018, e neste ano, na Austrália.

“Assim podemos mostrar a importância científica desses achados e divulgar o nome de Presidente Prudente”, afirma.

Equipe de pesquisadores preparando fósseis no Museu de Paleontologia de Marília 2019. (Foto: Arquivo Pessoal)

Do solo Prudentino vem o alimento, o progresso e também as informações do passado. As escavações devem continuar na cidade. Você ainda vai ouvir falar muito desse lugar que é orgulho dessa gente Prudentina.


Gostou desse conteúdo? Deixe seu comentário no campo abaixo! E se você conhece alguma história bacana da sua cidade e quer que ela seja contada aqui, entre em contato pelo e-mail: sugestao.pauta@solutudo.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, deixe o seu comentário
Por favor insira o seu nome aqui