No último sábado (23) viralizou uma foto de tela de uma conversa no aplicativo de conversas Whatsapp. Nela, o menino pede para seu pai, Mateus Barboza, buscá-lo em uma festa pois seu melhor amigo estava sofrendo bullying de outros convidados no local.

Na mensagem, o menino diz que seu melhor amigo estava sendo chamado de “preto e gordo” e que mesmo relatando para adultos no local, nada foi feito e que ainda “deram risada”.

Indignado pelo relato de seu filho, Mateus publicou em suas redes dizendo estar extremamente triste com a situação. Contudo, ele se diz orgulhoso pela atitude de seu filho em não se juntar aos outros meninos.

Ele finaliza com uma reflexão: “nenhuma criança nasce preconceituosa e muito menos agressiva. Ou seja, ela aprende isso de alguma forma e na maioria das vezes é em casa, com base na educação que os pais dão e principalmente no comportamento deles. Então pensem bem no tipo de exemplo que vocês pais dão a seus filhos”.

Com 150 mil reações, 17 mil comentários e 117 mil compartilhamentos, Mateus e seu filho receberam mensagens de apoio de todo o Brasil.

Veja a imagem:

Foto: Divulgação / Facebook

Confira essa e outras histórias da cidade no site da Solutudo Marília!

Gostou desse conteúdo? Deixe seu comentário no campo abaixo! E, se você conhece alguma história bacana da sua cidade e quer que ela seja contada aqui, entre em contato pelo e-mail: sugestao.pauta@solutudo.com.br

Avalie este conteúdo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, deixe o seu comentário
Por favor insira o seu nome aqui