O mês inicia-se com uma importante lembrança à saúde: todo 28 de Julho comemora-se o Dia Mundial de Luta Contra as Hepatites Virais. O “Julho Amarelo” visa conscientizar sobre a importância da prevenção, do diagnóstico e do tratamento das Hepatites Virais.

Em Marília, as ações se intensificam durante os dias 20, 25 e 27, com o atendimento e realização de exames rápidos e gratuitos em locais públicos.

Durante todo o ano, o Serviço de Atendimento Especializado – SAE (Rua 7 de Setembro, 793), possui estrutura para receber a comunidade que deseje realizar o teste, atendendo de segunda à sexta-feira.

O diagnóstico pode ser feito por testes rápidos que dão o resultado na hora. (Foto: Prefeitura de Marília)

Em 2018, a campanha conseguiu realizar cerca de mil testes na cidade. Por ser uma doença contraída por contato sanguíneo (por meio da relação sexual ou pelo compartilhamento de objetos cortantes), a ação é importante uma vez que a pessoa sem informação sobre sua positividade pode permanecer transmitindo o vírus.

Sobre a doença

As hepatites virais são doenças provocadas por diferentes vírus que apresentam características distintas, podendo ser do tipo A, B, C, D e E.

A hepatite causa inflamação do fígado. Em muitos casos, não há nenhum sintoma e isso aumenta os riscos da infecção evoluir e se tornar crônica, causando danos mais graves ao fígado, como cirrose e câncer.

(Foto: Ministério da Saúde)

As hepatites A e B podem ser prevenidas por vacinação.

A hepatite C tem cura em mais de 90% dos casos quando o tratamento é seguido corretamente. As hepatites B e D têm tratamento e podem ser controladas, evitando a evolução para cirrose e câncer.

A hepatite A é uma doença aguda e o tratamento se baseia em dieta e repouso. Geralmente melhora em algumas semanas e a pessoa adquire imunidade, ou seja, não terá uma nova infecção. Todas as hepatites virais devem ser acompanhadas pelos profissionais de saúde.


Quer ficar por dentro do que rola na sua cidade? Mais matérias sobre Cidadania você encontra na Solutudo 🙂

Gostou desse conteúdo? Deixe seu comentário no campo abaixo!E se você conhece alguma história bacana da sua cidade e quer que ela seja contada aqui, entre em contato pelo e-mail: sugestao.pauta@solutudo.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, deixe o seu comentário
Por favor insira o seu nome aqui