Falar em caridade é, na hora, se inspirar! É elevar a alma às coisas boas que o ser humano é capaz de fazer, mesmo em um mundo, muitas vezes, repleto de injustiças e maldades. E falar de caridade em Jundiaí é lembrar na hora do trabalho dos Vicentinos na cidade, seja por meio da criação do Hospital São Vicente de Paulo, há mais de 100 anos, da Cidade Vicentina, e nos bairros, com o cuidado com as famílias pobres.

E o trabalho Vicentino não para: mesmo em meio à pandemia, os voluntários prosseguem trabalhando por quem mais precisa. (Foto: Arquivo Pessoal/Reprodução)

Em meio a mais de 800 membros Vicentinos, que atuam todos os dias na cidade de Jundiaí e em toda região, com certeza encontraremos muitas histórias inspiradoras. E em toda essa multidão encontrar a história da Elaine Sá, em especial, dá até vontade de querê-las mais e mais! 🥰

Graduada em Logística e com MBA em Gestão Empresarial, em seus 40 anos de vida, Elaine já fez quase de tudo: antes mesmo de completar 12 anos já ajudava o pai na plantação de uva da família, e depois disso trabalhou como babá, faxineira, auxiliar odontológica, secretária, programadora de sistemas… mas o que mudou mesmo sua vida foi um outro tipo de serviço: o da caridade.

O início de tudo

Elaine conta que seu primeiro contato com a caridade foi por meio do grupo de jovens que frequentava, e que anos mais tarde, por meio de seu então namorado, hoje marido e também vicentino, Denílson Sá, foi que a caridade se estabeleceu em sua vida e nunca mais saiu.

“No ano de 2001, quando começamos a namorar, ele me disse que tinha encontrado um membro da Conferência Vicentina que tinha convidado ele para visitar a reunião. Ele me convidou para ir junto, porque gostava muito das pessoas, que era muito bonito o trabalho que eles faziam e que gostaria de se aproximar novamente. Eu aceitei o convite e fomos visitar.”

Elaine lembra até hoje que o casal foi muito bem recebido pelos vicentinos, e que todos foram muito atenciosos. “Isso nos motivou a continuar indo. Começamos a fazer as visitas às famílias assistidas e nos envolvemos cada vez mais com as situações que as famílias viviam. As amizades foram se fortalecendo, e já se passaram 18 anos“, conta.

Família abençoada: Elaine, com o marido. Denílson Sá, e os filhos, Allan e Beatriz, em sua festa de 40 anos. (Foto: Arquivo Pessoal/Reprodução)

Família

E, como dizem, ‘exemplo vem de casa’, né? Pelo menos na trajetória da Elaine, isso é muito real: “Minha mãe é uma grande inspiração para mim, sempre muito amorosa e preocupada com todos da família, que no caso dela é numerosa. Sempre me incentivou a participar da igreja, a ajudar nas tarefas de casa, a ajudar meus amigos na escola, a ser amiga de todos os vizinhos e a ser sempre uma pessoa boa, que se alguém precisar de algo, que eu possa estender a mão“.

E agora, seguindo os passos da mãe, é a caridade que ela e o marido inspiram no lar. “Se tem alguém precisando de ajuda, não podemos esperar. Meus filhos, o Allan e a Beatriz, também gostam de ajudar e quando podem nos acompanham. Meu filho participa de uma Conferência de Crianças e Adolescentes. Minha família toda, quando peço alguma coisa, se dispõe a ajudar sempre. Sempre me dizem que tem muito orgulho do trabalho que realizo.”

Caridade

Com toda a família, que também é Vicentina, respirando 24 horas a caridade, não poderia ser diferente para ela, né? Literalmente. Elaine é coordenadora do Centro de Formação Antônio Frederico Ozanam, obra vicentina que desenvolve projetos sociais que atendem não somente as famílias assistidas pela entidade, mas a comunidade como um todo.

Um dos projetos realizados no local é o “Sementes em Ação”, que atende 108 crianças de 6 a 14 anos, e que oferece em oficinas de futebol, dança, culinária, inglês e informática, que são ministradas no contraturno escolar. “O projeto oferece oficinas de preparo de produtos artesanais, tendo como objetivo a geração de renda e o empoderamento das mulheres, base do núcleo familiar”, explica.

Hoje tenho o maior orgulho de trabalhar em uma instituição que pensa no próximo, que ajuda as pessoas mais carentes e que viabiliza projetos que tem como objetivo mudar realmente a vida das pessoas. É uma missão de Deus para cada um de nós: ajudar o próximo sem esperar nada em troca, muito menos recompensa ou autopromoção.

Sem dúvidas, há muita história ainda a ser relembrada e contada. 🥰 E ainda bem que existe! Para tanto fazer a diferença na vida das pessoas envolvidas, como também para inspirar a nossa. Parabéns, Elaine, parabéns vicentinos, parabéns a cada um que compreendeu e cumpre o seu papel de cuidar do próximo, de quem mais precisa. 😊🥰👏


Gostou desse conteúdo? Deixe seu comentário no campo abaixo! E se você conhece alguma história bacana da sua cidade e quer que ela seja contada aqui, entre em contato pelo e-mail: sugestao.pauta@solutudo.com.br

6 COMENTÁRIOS

  1. Parabéns Elaine que Deus continue sempre te abençoando,vc é uma pessoa incrível de coração imenso ,Te amo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, deixe o seu comentário
Por favor insira o seu nome aqui