Dando sequência à série “Antes e Agora”, que compara imagens antigas e atuais de pontos e prédios da cidade, trazemos mais seis destaques que revelam as mudanças de Botucatu através do tempo.

O trabalho de preservação dessa memória urbana realizado por entidades culturais, historiadores, amantes da fotografia ou pessoas comuns nos permite viajar no tempo e fazer essas comparações. Um delicioso exercício que revela como a cidade mudou. Confira!

Misericórdia Botucatuense
Hospital Unimed
Foto: Carlos Pessoa

Fundada em 1893 e inaugurada em 1905, sob a liderança do Dr. Costa Leite, maçom e primeiro médico da Cidade, a Misericórdia Botucatuense foi o primeiro hospital público da terra dos bons ares. O imenso complexo ocupa uma quadra atrás da Praça Isabel Arruda. Após grave crise financeira, em 2014, a gestão da unidade hospitalar foi transferida para a Unimed.  

Praça Anita Garibaldi antiga
Praça Anita Garibaldi atual
Foto: Carlos Pessoa

Na confluência entre as ruas General Telles, Tiradentes e Avenida Floriano Peixoto está localizada a Praça Anita Garibaldi. No local, a colônia italiana ergueu um monumento em homenagem a uma das grandes heroínas da história brasileira. Porém, misteriosamente, o tal monumento desapareceu. O tempo passou, a praça transformou-se em um belo jardim e foi totalmente remodelada. Os casarões vizinhos também foram substituídos por construções mais modernas.

Rua Amando de Barros com Coronel Fonseca antiga
Rua Amando de Barros com Coronel Fonseca atual
Foto: Carlos Pessoa

A foto antiga registra o bucólico movimento nas imediações do antigo Largo da Matriz, que depois viria a se transformar na Praça Coronel Moura, também conhecida como Paratodos. O prédio na esquina entre a Rua Amando de Barros e Rua Coronel Fonseca, é onde funciona atualmente a Panificadora Pessin.

Rua João Passos com Marechal Deodoro antiga
Rua João Passos com Marechal Deodoro atual
Foto: Carlos Pessoa

Vemos na foto antiga, o cruzamento das ruas Cesário Alvim (atual João Passos) e Marechal Deodoro. Do lado esquerdo, o antigo Teatro Santa Cruz (depois Espéria), que viria a ser consumido pelas chamas em um incêndio em setembro de 1951. Do lado direito, a antiga sede da Prefeitura. Hoje, o local abriga a Fonte Luminosa e a marquise da Praça Emilio Peduti e a sede da Câmara Municipal.

Avenida Floriano Peixoto antiga
Avenida Floriano Peixoto atual
Foto: Carlos Pessoa

Na chamada região da Baixada, onde as avenidas Santana e Floriano Peixoto se encontram e Botucatu se divide entre “Centro” e “Bairro”, onde hoje funciona o prédio central dos Correios, no passado havia o Hotel Brasil.

Floriano Peixoto com João Passos antiga
Floriano Peixoto com João Passos atual
Foto: Carlos Pessoa

O trânsito pacato e o aspecto bucólico das primeiras décadas do século passado deram lugar ao vai e vem frenético de pedestres e motoristas, na Avenida Floriano Peixoto, uma das principais vias da cidade. Este é o cruzamento com a antiga Rua Cesário Alvim, que depois seria chamada de João Passos. O casarão à direita deu lugar a um posto de combustíveis.


Gostou desse conteúdo? Deixe seu comentário no campo abaixo! E, se você conhece alguma história bacana da sua cidade e quer que ela seja contada aqui, entre em contato pelo e-mail: sugestao.pauta@solutudo.com.br

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, deixe o seu comentário
Por favor insira o seu nome aqui