Se você é observador aos detalhes da cidade, com certeza já se perguntou: por que tem um leão na Nações Unidas?

A escultura do rei da floresta habita as proximidades do Parque Vitória Régia desde 1983. Porém, tem uma história um pouco diferente da maioria dos monumentos.

Isso porque, geralmente, bustos e esculturas são homenagens feitas pelo poder público ou solicitadas pela própria população. Mas, no caso do leão, foi uma auto-homenagem.

Leão na Nações Unidas
Foto: Reprodução/Prefeitura de Bauru

A ideia de colocar um leão na Nações Unidas foi do Lions Clube de Bauru. Eles são uma instituição que promove ações sociais, como arrecadação e distribuição de alimentos, trabalho voluntário e outras atividades.

Decidiram colocar o símbolo do clube como forma de comemoração à fundação do Lions Clube em terras bauruenses.

Leão na Nações Unidas
Lions Clube Bela Vista. Foto: Reprodução/Facebook

Quem fez o leão?

O Lions Clube escolheu o artista plástico José dos Santos Laranjeira para construir a auto-homenagem.

Este artista também foi responsável pela escultura de pomba que fica na Praça da Paz. Confira abaixo a entrevista que ele concedeu ao Repórter Unesp falando sobre os monumentos:

Apesar de ser o rei da selva, o leão já sofreu muitas depredações. Em 2008, ele ganhou uma repaginada por meio do programa Jovens Construindo a Cidadania (JCC) e estudantes da cidade 

Havia muita sujeira e pichações no monumento, porém, ele foi lixado e repintado com a cor bronze, que está lá até hoje.

Caso você nunca tenha reparado na estátua e queira dar uma olhadinha no rei da selva bauruense, ele fica no canteiro central da Avenida Nações Unidas, em frente ao Mc Donalds.

Aproveite para conferir a história de outro ponto turístico da cidade, a praça Rui Barbosa, clicando aqui.


Confira essa e outras histórias de Bauru no site da Solutudo Bauru!

Gostou desse conteúdo? Deixe seu comentário no campo abaixo! E se você conhece alguma história bacana de Bauru e quer que ela seja contada aqui, entre em contato pelo e-mail sugestao.pauta@solutudo.com.br ou pelo nosso WhatsApp.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, deixe o seu comentário
Por favor insira o seu nome aqui