“Do alto tudo é mais bonito”, é o que garante a família Risspoli, que há 40 anos trabalha com esportes nas alturas em Atibaia. A parceria entre pai e filho é no balonismo, esporte em que eles contam serem pioneiros na região. O passeio turístico que eles oferecem percorre das contornos da serra até as plantações de morango.

Raphael Risspoli é hoje o gestor do negócio da família que começou como um hobby. O pai, Sérgio Risspoli conheceu um balonista francês quando servia a força aérea, aos 18 anos, e com ele construiu o primeiro balão nacional. Ele conta que a experiência como de ‘flutuar’ foi paixão à primeira vista.

Pelo amor ao esporte e com poucas referências nacionais, seguiu se especializando e aos 67 anos transformou a paixão em negócio. “Eu não sei explicar direito como esse sonho nasceu em mim, mas desde que estive no ar a primeira vez, sabia que minha vida seria para voar”, contou o engenheiro aeronáutico Sérgio Risspoli.

Pai e filho atraem turistas com voos de balão em Atibaia — Foto: Carlos Santos/G1

Pai e filho atraem turistas com voos de balão em Atibaia — Foto: Carlos Santos/G1

A fixação pelo céu passou para o filho Raphael Risspoli, que conta estar acostumado a ver tudo do alto desde os três anos, quando fez o primeiro voo com o pai. Os dois são engenheiros aeronáuticos e percorrem o mundo com suas criações – de balões a paragliders – desenvolvidos em Atibaia, onde a família sempre viveu.

Os dois já passaram pela Capadócia, na Turquia, campos franceses, Uruguai e Rio de Janeiro, mas têm como vista preferida as curvas da serra no interior de São Paulo. “A vista é linda, dos campos extensos, sem intervenção humana. A gente consegue ver o contraste de uma rodovia que liga o interior ao coração do estado, com agricultores colhendo morangos do outro lado”, descreveu Raphael.

Os dois expandiram a paixão para além da produção de balões e e passaram a oferecer voos a turistas. O balão decola da região rural e sobrevoa paisagens como a Pedra Grande, cruzando plantações, até a região central de Atibaia. O passeio tem duração de 1h30.

Pai e filho atraem turistas com voos de balão em Atibaia — Foto: Carlos Santos/G1

Pai e filho atraem turistas com voos de balão em Atibaia — Foto: Carlos Santos/G1

Imersão

Quem contrata o serviço participa desde a escolha do melhor ponto, com acompanhamento de mapas do tempo, montagem e desmontagem do balão. É uma imersão no mundo do balonismo.

“Eu gosto de usar isso aqui para conectar pessoas. As experiências que marcam a gente são isso, conexões com momentos e pessoas”, disse Sérgio.

Os dois dizem nunca terem sofrido acidentes desde o início da trajetória e celebram terem atendido famosos – entre os passageiros, dizem ter feito um voo com a apresentadora Xuxa Menegel e a dupla Fernando e Sorocaba.

Há uma opção de serviço chamado de premium – que inclui total sigilo e até ‘serviço pós-bordo’. Com partida e retorno em locais reservados. Depois do passeio, é oferecido champagne ou cerveja artesanal de produção local para um brinde, tudo de acordo com o perfil do cliente.

O passeio custa R$ 1,4 mil para duas pessoas. Crianças até 30 quilos não pagam adicional no pacote, no caso de famílias. Confira mais algumas fotos:

Pai e filho atraem turistas com voos de balão em Atibaia — Foto: Carlos Santos/G1

Pai e filho atraem turistas com voos de balão em Atibaia — Foto: Carlos Santos/G1
Pai e filho atraem turistas com voos de balão em Atibaia — Foto: Carlos Santos/G1

Pai e filho atraem turistas com voos de balão em Atibaia — Foto: Carlos Santos/G1
Pai e filho atraem turistas com voos de balão em Atibaia — Foto: Carlos Santos/G1

Pai e filho atraem turistas com voos de balão em Atibaia — Foto: Carlos Santos/G1

Ficou afim de realizar o passeio? Entre em contato pelo telefone: (11) 4411-5869 e saiba mais!


Informações: G1 – Com adaptações


Gostou desse conteúdo? Deixe seu comentário no campo abaixo! E se você conhece alguma história bacana da sua cidade e quer que ela seja contada aqui, entre em contato pelo e-mail: atibaia@solutudo.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, deixe o seu comentário
Por favor insira o seu nome aqui