Aproveitando que hoje é o Dia Nacional do Futebol vamos contar para vocês um pouco da história do Mario Casimiro, atibaiano e estudante de jornalismo que tem como paixão colecionar camisas de times. São centenas de peças que vão desde as das seleções mundiais a diversos clubes do Brasil, Argentina e Uruguai.

camisas de futebol
Mario tem um acervo de mais de 2.000 camisas de times de futebol — Foto: Arquivo Pessoal/ Mario Casemiro

Na coleção você encontra mais de duas mil camisas de times, além de outros itens como ingressos de partidas, pôsteres, copos, revistas, bonecos, jogos de vídeo game e muito mais! Tudo que possa estar relacionado ao esporte preferido do atibaiano.

“O legal das camisas de futebol é que todas tem sua importância e seu valor histórico”

Essa paixão pelo esporte é de longa data, Mario conta que suas lembranças mais antigas são em estádios de futebol. Seu pai e avô, também fãs do esporte, sempre o levavam para assistir jogos, e de lá para cá isso não mudou muito.

A coleção começou a se formar também na infância, mais ou menos com uns três anos de idade os pais de Mario já compravam camisas para o garoto, é claro que eles não imaginavam que isso viria se tornar um dos maiores hobbies do filho.

“Sempre curti futebol e tudo que é relacionado a futebol é minha paixão. Fim de semana por exemplo, eu tenho que ir ao estádio ver jogos, não importa a divisão” – conta Mario.

Time Preferido

Em meio a centenas de times presentes em sua coleção Mario conta que seu clube do coração é o Atlético Peñarol, do Uruguai. O engraçado é que ele não tem parentes no Uruguai, mas sente pelo time uma sensação diferenciada, de amor mesmo.

A história com o time começou lá em 2001, em um jogo da Seleção Brasileira contra o Uruguai nas eliminatórias da copa do mundo que veio ocorrer no ano seguinte. Nesse dia, Mario estava jogando futebol de botão com seu avô, enquanto também aproveitavam para assistir o jogo realizado em Montevidéu que passava na TV.

Aquele estádio lotado, a energia da torcida, e tantas cores o conquistaram naquele exato momento. Seu avô, depois disso, contou algumas histórias dos times uruguaios que fizeram os olhinhos do jovem garoto brilhar (incluindo a do Peñarol). E para Mario hoje em dia, o ápice dessa fascinação com o futebol acontece quando ele está no Uruguai, vendo os jogos desse time que ele tanto ama. “É algo inexplicável, como se fosse de outra vida” – conta Mario.

Na coleção, não podiam faltar também as camisas dos clubes de Atibaia, como as dos times Boa Vista, o São João, o Cetebe, o Grêmio Esportivo Atibaiense e o Sport Club Atibaia.

camisas de futebol

Camisas de alguns dos clubes que já foram profissionais no futebol de Atibaia — Foto: Arquivo Pessoal/ Mario Casemiro

Agora o foco de Mario que está com 24 anos é seguir atualizando a coleção, sempre crescendo com o material futebolístico que tanto gosta. No momento ele também cursa o último semestre da faculdade, e tem como tema de TCC contar a história do Sport Club Atibaia, principal time da cidade. Um super projeto que também virará livro, para assim compartilhar com todos essa história tão importante para a cidade.


Gostou desse conteúdo? Deixe seu comentário no campo abaixo! E se você conhece alguma história bacana de Atibaia e quer que ela seja contada aqui, entre em contato pelo e-mail: atibaia@solutudo.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, deixe o seu comentário
Por favor insira o seu nome aqui