Anualmente é comemorado em todo país no dia 20 de novembro o Dia Nacional da Consciência Negra, e por meio da Secretaria de Cultura a Prefeitura da Estância de Atibaia promoverá uma ampla programação com palestras, debates, oficinas e muito mais entre os dia 9 e 20 de novembro.

Consciência Negra

Confira a programação completa:

09/11
No sábado (9) será realizada a abertura da Exposição “Etnia” com o artista plástico Juvenal Irene, no Centro Cultural André Carneiro, às 14h.

14/11
Será realizado um colóquio sobre “A implantação da Lei nº 10639 que torna obrigatório o ensino de África e cultura Afro-brasileira em todas as escolas” com Ana Paula O. de Almeida, no Centro de Convenções Victor Brecheret, às 19h30.

Teatro da Assucab – Associação dos Terreiros de Umbanda e Candomblé de Atibaia e Região Bragantina, também no CCVB, às 19h30.

15/11
Águas de Oxalá (cortejo entre as Igrejas do Rosário e Igreja São João Batista), às 8h.

Batalha do Anonimato, com o tema “Consciência Negra”, no Centro Cultural André Carneiro, às 20h.

Consciência Negra
Cortejo das Águas de Oxalá de Atibaia (Foto: Divulgação)

16/11
Trio do Projeto Educando com Música e Cidadania realizará uma apresentação de jazz e blues, no Centro Cultural André Carneiro, às 16h.

17/11
O Projeto Femininas Almas Negras do Samba apresentarão “Batidas e Batuques” com Ana Brasil e Ronaldo, na Casa da Cultura Jandyra Massoni, às 17h.

18/11
O Projeto “Na Quebrada – Um Diálogo na Periferia” se apresentará, com a participação do rapper Gav, na Escola Major Juvenal Alvim, às 19h30.

19/11
Será realizado um debate com o Comitê de Direitos Humanos da Unifaat, com a participação da Odisseia das Flores, no Centro de Convenções Victor Brecheret, às 9h30.

Ainda no dia 19 de novembro, será feita uma palestra sobre “A implantação da Lei nº10639 que torna obrigatório o ensino de África e cultura Afro-brasileira em todas as escolas” com Ana Paula O. De Almeida, na Escola Prof. Fulvia Aparecida Cancherini Fazio, às 19h30.

20/11
Haverá uma oficina/apresentação das “Danças Africanas”, com Cris Alcântara, em seguida será exposta uma “Mostra Fotográfica Negros de Atibaia do Coletivo Negra Visão”, na Unifaat, às 19h.

Também no dia 20, para encerrar a programação, ocorrerá uma Roda de Capoeira da Consciência Negra, com organização da ACA – Associação dos Capoeiristas de Atibaia, no Centro de Convenções Victor Brecheret, às 19h30.

Consciência Negra
ACA – Associação dos Capoeiristas de Atibaia (Foto: Divulgação)

Sobre a data

O Dia da Consciência Negra, celebrado em 20 de novembro, foi instituído oficialmente pela Lei nº 12.519, de 10 de novembro de 2011. A data faz referência à morte de Zumbi, o então líder do Quilombo dos Palmares – situado entre os estados de Alagoas e Pernambuco, na Região Nordeste do Brasil.

A palavra “Zumbi” ou “Zambi”, nome adotado pelo herói, é de origem ‘quimbunda‘, e faz alusão à seres espirituais. Imagem: reprodução

O objetivo do Dia da Consciência Negra é fazer uma reflexão sobre a importância do povo e da cultura africana no Brasil. Também serve para analisarmos o impacto que tiveram no desenvolvimento da identidade cultural brasileira.

A música, a política, a religião e a gastronomia entre várias outras áreas foram profundamente influenciadas pela cultura afrodescendente. Este é um dia de comemorar e valorizar a mesma.

Para saber mais sobre a programação de eventos ligue no Centro de Convenções Victor Brecheret (11) 4412-3287.

Informações: Prefeitura de Atibaia


Gostou desse conteúdo? Deixe seu comentário no campo abaixo! E se você conhece alguma história bacana da sua cidade e quer que ela seja contada aqui, entre em contato pelo e-mail: atibaia@solutudo.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, deixe o seu comentário
Por favor insira o seu nome aqui